Entenda o risco de não controlar o estoque de sua empresa

A gestão de estoque é fundamental para o crescimento de uma empresa. Apesar disto, muitos empresários decidem atentar-se para outros segmentos, sem perceber que é do estoque que provém toda a saúde financeira de um negócio. 

O que é gestão de estoque?

Gestão de estoque consiste em garantir que o número certo de mercadorias estejam disponíveis em uma empresa. Esta gestão permite administrar a parcela de produtos  e de capital que está sem movimentação. 

Este assunto é fundamental para o crescimento de uma organização. Se você chegou até aqui, é porque deseja maior desempenho em seus processos. Por isso, queremos lhe apresentar as razões e as estratégias para desenvolver o gerenciamento do estoque e gerar soluções em sua empresa.

Para que serve a gestão de estoque?

A gestão de estoque serve para gerenciar a parcela de mercadoria sem movimentação de uma empresa. Além disso, o controle de estoque, quando eficaz, protege a sua empresa de possíveis riscos e prejuízos. Um dos riscos de não realizar a gestão de estoque é ficar com a mercadoria parada. Mercadoria armazenada é também capital armazenado. Isto demonstra que não há controle da saída dos itens e indica um possível problema no armazenamento de um grande volume de mercadoria. 

Além do mencionado, empresas que não realizam o controle de estoque tornam-se também mais vulneráveis a fraudes, seja por parte de funcionários ou fornecedores. Outro possível risco é a maior tendência ao erro. Isto ocorre pois os procedimentos relacionados a mercadoria serão complexos, demorados e burocráticos. Sendo assim, muitas empresas cometem a falha de comprar uma grande quantidade de um certo produto ou de esquecer produtos importantes, e isto pode trazer graves consequências a um negócio. 

Como realizar a gestão de estoque?

Primeiramente, é preciso reservar um bom espaço para armazenar as mercadorias. O espaço deve ter condições para isto. Nesta etapa, você deve prezar pela organização dos produtos, principalmente se eles possuírem prazo de validade. Após assegurar isto, toda a equipe precisa compreender a organização que foi realizada e cooperar em manter. 

Em segundo lugar, é indispensável realizar um inventário do estoque. O inventário é o registro dos produtos que estão estocados e a quantidade deles. 

Uma excelente estratégia para obter uma gestão de estoque eficaz é fazer uso de um software para isso. Utilizar programas de controle de estoque pode ser útil para reunir informações importantes em um só local, cooperando assim para otimizar os processos de uma empresa. 

Benefícios do gerenciamento de estoque 

Abaixo destacamos quais são os benefícios de realizar esta gestão. 

  1. Planejamento de compra

Por meio do gerenciamento de estoque, o planejamento de compra é feito baseado nos produtos que entram e saem do estoque. Dessa forma, é possível definir as melhores épocas e produtos para uma promoção e acompanhar novidades de fornecedores. 

  1. Maior desempenho financeiro 

Empresas que realizam um controle de estoque eficaz tendem a apresentar maior lucratividade. Isto ocorre pois se tem a quantidade certa de produtos em estoque. Por consequência, investe-se de maneira correta e equilibrada na compra de mercadorias. Desta forma, este gerenciamento garante a saúde financeira de um negócio. 

  1. Aumento da produtividade

Com a gestão de estoques, os procedimentos tornam-se menos complexos e mais acessíveis. Desta maneira, há maior atenção para a execução de outras tarefas. 

Portanto, para o maior desempenho e produtividade de seu negócio, você precisar começar o quanto antes a fazer uma boa gestão de estoque.

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on Facebook
Share on twitter
Share on Twitter
Share on linkedin
Share on Linkdin
Share on pinterest
Share on Pinterest

Deixe um comentário

Arquivos de Posts
Open chat